Notícias

Feira promovida pelo Sindicato Rural da Serra Gaúcha ocorre entre os dias 6 e 8 de dezembro e tem entrada franca. Foto: Acervo Tecnovitis

2ª Tecnovitis ocorre em dezembro no Vale dos Vinhedos

11 de Julho de 2017


Evento evidencia novas tecnologias, equipamentos e produtos para a vitivinicultura, além de oferecer seminários e palestras técnicas

A segunda edição da Feira de Tecnologia para Viticultura (Tecnovitis) será realizada entre os dias 6 e 8 de dezembro, das 10h às 18h, na Comunidade do 8 da Graciema e Complexo Villa Michelon, no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS). A feira é promovida pelo Sindicato Rural da Serra Gaúcha e conta com o apoio institucional do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e de outras 19 entidades parceiras.      

Durante o evento, novas tecnologias, equipamentos e produtos para a vitivinicultura serão apresentados a produtores, fornecedores e profissionais da cadeia. A Tecnovitis 2017 conta ainda com uma programação paralela, específica para compartilhamento de informações, com seminários e palestras técnicas. A exemplo da primeira edição, realizada em dezembro de 2015, a feira visa destacar a importância e relevância do setor, sendo pioneira em um evento técnico/comercial específico e exclusivamente voltado ao cultivo da uva.

A Tecnovitis mostra os avanços da viticultura brasileira, bem como as melhorias quantitativas e qualitativas, que tornam mais competitivos os processos desta cadeia produtiva. A feira é realizada em um dos maiores polos vitícolas do país. O cultivo da uva na Serra Gaúcha nasceu como subsistência, para consumo próprio e, com o excedente da produção nasceram as primeiras vinícolas comerciais, com a cultura de produção tipicamente italianas e ampla mão de obra. Com a ampliação das áreas de vinhedos e investimento dos empresários do setor, formou-se o maior polo vitivinícola do Brasil.

A produção cresceu, exigindo maior qualificação da mão de obra, capacidade técnica e operacional das vinícolas para manter não somente o volume de produção, como a qualidade dos produtos. Um dos desafios da 2ª Tecnovitis é conduzir as atividades vitícolas dentro de novos moldes de cultivo e produção, incluindo a modernização e mecanização de processos, inovação tecnológica e, sobretudo, foco na qualidade dos cultivos. A feira visa aprimorar as práticas e métodos do produtor, a fim de estimular o desenvolvimento de toda a cadeia produtiva.

A visitação é aberta ao público, sem cobrança de ingressos, não requer cadastro antecipado e é somente para maiores de 16 anos. Os organizadores estimam um público superior a 15 mil pessoas         

São entidades parceiras e apoiadoras da Tecnovitis: Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos (Aprovale), Bento Convention Bureau, Circolo Trentino di Bento Gonçalves, Complexo Turístico Villa Michelon, Comunidade 8 da Graciema, Emater – Associação Riograndense de Empreendimentos de Assistência Técnica e Extensão Rural, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Uva e Vinho), Governo do Estado do Rio Grande do Sul - Secretaria de Desenvolvimento Rural, Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS) - Campus Bento Gonçalves, Prefeitura Municipal de Bento Gonçalves, SEAPI – Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação do RS (Seapi), Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo do RS (SDR), Sindicato Empresarial da Gastronomia e Hotelaria da Região Uva e Vinho (Segh), Sindicato da Indústria do Vinho do Rio Grande do Sul (Sindivinho), Sistema FARSUL – (Farsul/Senar/Casa Rural).

SERVIÇO
O que:
2ª Feira de Tecnologia para Viticultura (Tecnovitis)     
Quando: dias 6, 7 e 8 de dezembro de 2017, das 10h às 18h 
Onde: Comunidade do 8 da Graciema e Complexo Villa Michelon, no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS)         
Valor: entrada franca para maiores de 16 anos 
Informações: contato@tecnovitis.com.br ou (54) 9.9975.7968