Notícias

Oito espumantes brasileiros foram degustados na atividade promovida pelo Rio Wine and Food Festival. Foto: Francisco Carneiro

Espumantes brasileiros vencem desafio às cegas no Rio Wine and Food Festival

25 de Agosto de 2017


Rótulos nacionais foram degustados junto a produtos de renome internacional. Avaliação foi feita por 30 profissionais e enófilos

Em uma prova às cegas, os espumantes brasileiros mostraram, mais uma vez, que têm qualidade internacional. No entardecer desta quinta-feira (24), oito rótulos nacionais foram colocados à prova junto à exemplares emblemáticos de outros países na terceira edição do “Desafio Brasil x Resto do Mundo”. A atividade ocorreu no Clube Naval Piraquê, no Rio de Janeiro (RJ), e integrou a programação do Rio Wine and Food Festival.

Cerca de 30 degustadores, entre profissionais e enófilos, elegeram no ranking quatro espumantes verde-amarelos, sendo a primeira colocação para um rótulo de Pinto Bandeira (RS). Confira o resultado:

1º lugar - Cave Geisse Extra Brut 2013, Brasil
2º lugar - Viapiana 575 dias, Brasil
3º lugar - Prosecco Le Coste Lapieve, Itália
4º lugar - Cava Anna de Codorníu, Espanha
5º lugar - Champagne Taittinger Brut Reserve, França
6º lugar - Marques de Marialva Baga Blanc de Noir, Portugal
7º lugar - Prosecco Sperone, Itália
8º lugar - Valduga 130, Brasil

Na primeira edição do “Desafio Brasil x Resto do Mundo” o Brasil também ficou com a primeira colocação, representado pelo espumante Estrelas do Brasil. Já na edição passada, o rótulo Chandon Brut ficou em segundo lugar.          

Só na última década, os espumantes brasileiros já conquistaram mais de 1,5 mil condecorações em concursos internacionais.